Lollapalooza 2017 foi Inesquecível e cheio de polêmicas

Olá Galerinha, nesse final de semana aconteceu o tão esperado festival Lollapalooza 2017, que trouxe grandes artistas de música alternativa de diversos gostos, infelizmente nossa credencial foi rejeitada pela assessoria de imprensa do festival, mas isso não nos impediu de curtir esse mega evento.

Bom primeiro que a organização estava impecável, tudo bem informado e organizado só a fila que é ruim e estava bem grande, mas qual é o festival que não tem? Afinal são milhares de pessoas reunidos em um local, mas se tem uma coisa que eu sinceramente amei foi o Chef Stage, onde pude experimentar comidas e lanches que nunca imaginei que existia, isso foi bem interessante pois o festival se preocupou em colocar um toque especial de gastronomia onde se podia experimentar vários pratos requintados de diversos chefs e culinária.

Começando pelo Palco Axe onde pude conhecer a Tegan and Sara, mas confesso que me apaixonei pela dupla que tocou um estilo pop alternativo e meigo, contagiando o público com sua música, e logo mais tarde no mesmo palco os Djs que forma a dupla The Chainsmokers que arrasaram com um set sensacional, e claro, supriu as minhas expectativas principalmente quando eles tocaram “Roses” e “Don’t let me Down”, também tocaram “Everybody is going to the party” música de sucesso do Dj brasileiro Alok, levando a galera a loucura, mas teve um momento que me deixou arrepiado e foi quando tocaram a música “Paris” e vendo o público contando juntamente com eles e vibrando foi algo inexplicável, acho que foi por isso que algumas mídias informaram que eles roubaram o público do Metálica.

 

 

 

 

 

O palco Perry’s, exclusivo para música eletrônica sem dúvida foi a melhor aposta do festival para essa edição, grandes nomes da cena eletrônica deram um brilho mais que especial, começando pelo Vintage Culture, que apresentou um set empolgante, o Dj Marshmello, Illusionize, Don Diablo e claro meu ídolo (rsrsrs) Martin Garrix que arrebentou, começou tocando umas das músicas que eu mais gosto “Don’t Look Down” e foi emocionante ver aquela vibração toda da galera e o set incrível e na minha humilde opinião foi melhor do que ele tocou no Ultra Miami na última sexta feira.

 

 

 

 

 

 

Nenhum Comentário.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: